9.7.07

Eu preciso vir aqui fazer o social
Dizer que julho chegou, as férias chegaram, o caos aéreo chegou - e ficou
Tenho que sorrir de graça, pra zelar da imagem
Mesmo que eu não tenha recesso e nem ande de avião.
Meu sétimo mês será aqui, eu e você, você e eu.
No máximo, algumas garatujas entre nós
Os amigos viajam, o que deixam as férias perigosamente depressivas
Os pais viajam e já não podem me levar mais, fico órfã
Os carros das ruas viajam, os biquínis viajam, as viagens viajam
Tudo desaparece. E eu aqui, casa-trabalho-casa
E um trânsito entre os destinos, pra quebrar a rotina
Falo da experiência de dois anos e meio ininterruptos, descansando só finais de semana
Acabei com seu espírito de férias?
É, também me descobri uma estraga prazeres
Mas se chateou por nada, eu adoro não ter férias!
Mais de cinco dias à toa me cansam
Ver TV me cansa, dormir, olhar pro nada, acabar o assunto, tudo me cansa
Até sol e piscina, e cerveja, que nem bebo, me cansam
Por isso, viva o mês de julho!
Viva as pseudo-férias, o trabalho e o sofrimento estereotipado.
Estou bem, não se preocupem
E só desacreditem de mim se eu começar a aparecer muito por aqui
Garatujas demais são perigosamente depressivas
Mas...
Eu preciso vir aqui fazer o social

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial